Qual a melhor hora para publicar nas redes sociais?

Qual a melhor hora para publicar nas redes sociais?

Partindo do pressuposto que a estratégia de content marketing está definida – já sabe com quem quer comunicar, o que publicar e onde -, o passo seguinte é perceber quando publicar. E, aí, surge a questão: será que as minhas partilhas vão ser publicadas à hora em que o meu público-alvo tem maior predisposição para interagir nas redes sociais ?

A resposta a esta pergunta não é matemática, uma vez que há muitas variáveis em jogo. Ainda assim, é possível encontrar formas de identificar padrões e tendências que ajudam a ser mais certeiro na hora de partilhar os seus conteúdos nas redes sociais e garantir um maior envolvimento da audiência.

Fatores como a plataforma que está a usar (Facebook, Twitter, LinkedIn, etc..), o tipo de negócio, o público-alvo, o país, o tipo de conteúdo do post e os objetivos que se pretende alcançar (cliques ou partilhas) são elementos-chave para encontrar a resposta.

Há padrões identificados nas várias redes sociais que servem de referência e os horários que referimos são meramente indicativos, resultando do cruzamento de várias análises. O objetivo é que estes sirvam de ponto de partida para encontrar um padrão próprio, num processo que leva tempo e que resulta de várias tentativas e erros.

Conjugando os padrões com o seu históricos e com os dados específicos da estratégia, siga os seguintes passos:

  • Defina um horário tipo para cada rede social e teste-o; poderá usar como referência a semana ou o mês.
  • Depois, faça uma análise detalhada das suas páginas para poder avaliar mais em concreto, e no seu caso específico, o que está a ter mais impacto.
  • Use o analytics das próprias redes sociais para ajudar a encontrar um padrão. Por exemplo, no analytics do Facebook, mais concretamente no separador das ‘Publicações’, é possível encontrar um gráfico que mostra quando é que os fãs estão online, por dias da semana e por horas do dia.
  • Crie ou use ferramentas que ajudam a monitorizar as publicações e a encontrar um padrão para as horas com maior interação. A opção pode passar por criar uma folha de cálculo simples, onde regista os posts e as respetivas horas, juntamente com os indicadores de analytics mais relevantes. Mas há também soluções online como é o caso da Fanpage Karma, uma ferramenta de analytics e monitorização das redes sociais que permite analisar o desempenho de várias redes sociais.

 

Facebook

hora publicar redes sociais facebook instagram linkedin twitter content marketing marketing digital conteúdo webtexto comteúdo

O Facebook é claramente a maior rede social do mundo. Nela estão mais de 1,59 mil milhões de utilizadores. Só em Portugal estão contabilizados cerca de 5,2 milhões de utilizadores ativos por mês, dos quais 3,8 milhões são utilizadores diários, segundo números referidos por Paulo Barreto, responsável da Facebook em Portugal, numa entrevista ao jornal Público em maio de 2015. Perante este universo de utilizadores, o mais certo é que boa parte do seu público-alvo esteja presente nesta rede.

Os utilizadores em Portugal são dos mais ativos do mundo, segundo Paulo Barreto, acrescentando na entrevista que, “em média, as pessoas estão 47 ou 48 minutos, por dia, no Facebook.

Segundo Neil Patel, num artigo da Quick Sprout, 86% dos posts são publicados durante a semana, registando-se um maior envolvimento às quintas e sextas-feiras. Se o objetivo é conseguir um maior número de partilhas, as 13h são uma boa hora. Por outro lado, se se pretende conseguir mais cliques, deve-se fazer o post às 15h. Já o Hubspot identifica padrões de utilização que apontam também para quinta-feira e sexta-feira, neste caso com um período mais alargado entre as 13h e as 16h. Por outro lado, acrescenta a quarta-feira entre as 15h e as 16h. No fim de semana, a hora referida é entre as 12h e as 13h.

Por sua vez, o responsável da Facebook em Portugal refere que a partir do meio-dia há sempre um milhão de pessoas ligadas à rede social, mas o pico só acontece ao final do dia.

“O auge de utilização [do Facebook] coincide com a televisão. O prime time [horário nobre] da televisão é às 21h, 21h30, em que temos 1,7 ou 1,8 milhões de pessoas todos os dias.”

Twitter

hora publicar redes sociais facebook instagram linkedin twitter content marketing marketing digital conteúdo webtexto comteúdo

O Twitter é um “microblog” com cerca de 320 milhões de utilizadores ativos por mês em todo o mundo e é utilizado, sobretudo, para partilhar informação, ideias e opiniões sobre a atualidade. Os media têm uma forte presença nesta rede, sendo uma boa forma de acompanhar a atualidade. As empresas e as marcas gostam de usar esta rede durante a realização de eventos, permitindo acompanhar e interagir em direto.

Não há dados específicos sobre a utilização do Twitter em Portugal, uma vez que esta rede não revela informações por país. No entanto, os dados apontam para um número relativamente baixo de utilizadores ativos.

Também nesta rede é possível encontrar padrões quanto ao calendário das publicações. Neil Patel refere que, se o objetivo é fazer negócios com outra empresa (B2B), o ideal é publicar posts durante a semana. Mas, se for uma empresa B2C, a interação é maior de quarta a domingo. Para quem quer ser “retweetado”, os posts devem ser publicados às 17h. Para obter mais cliques, o ideal é publicar entre as 12h e as 18h.

Por sua vez, o Hubspot aponta o horário entre as 12h e as 15h durante os dias da semana e, à quarta-feira, acrescenta ainda o horário entre as 17h e as 18h.

mmmm

LinkedIn

hora publicar redes sociais facebook instagram linkedin twitter content marketing marketing digital conteúdo webtexto comteúdo

Hoje, o LinkedIn é mais do que um mero arquivo de contactos. É uma rede social de caráter profissional, com cerca de 400 milhões de utilizadores em todo o mundo e mais de um milhão em Portugal.

A maioria das pessoas presentes no LinkedIn é da área dos serviços, como tecnologia, empresários independentes, consultores. Já no caso das empresas predomina quem tem negócios B2B, uma vez que esta rede social permite ligar empresas a potenciais colaboradores ou clientes. Como tal, os conteúdos são sobretudo informativos. As pessoas partilham dados sobre a sua experiência, educação e recomendações profissionais, mas também conteúdos relevantes sobre as suas áreas de interesse. As empresas publicam novidades e conteúdos relevantes sobre a sua área de negócio. O objetivo é conseguir aumentar a rede de conexões e fazer negócios.

As terças-feiras, das 10h às 11h, são o dia da semana ideal para se obter mais cliques e partilhas, diz Neil Patel. Como o LinkedIn é utilizado sobretudo por um público B2B, as taxas de envolvimento são mais altas durante a semana, nas horas de trabalho, refere por sua vez o Hubspot.

Rita Frade
Conheça o autor / Rita Frade

<p>Produtora e gestora de conteúdos da Webtexto, especializada em gestão de redes sociais.</p>

Um comentário

Comentários desactivados.