,

Web Summit: Como a Inteligência Artificial já está a mudar o mundo?

Web Summit: Como a Inteligência Artificial já está a mudar o mundo?

A Inteligência Artificial (IA) é um tema incontornável na edição de 2017 da Web Summit. Entre os dias 7 e 9 de novembro, mais de 30 palestras vão abordar este tema. Isso acontecerá tanto em conferências especializadas – AutoTech, TalkRobot ou Binate.io –, mas também em conferências temáticas, como a HealhConf (saúde), PandaConf (marketing) ou a MusicNotes (indústria da música), resultado da aplicação cada vez mais transversal da IA em múltiplos setores de atividade.

Se a IA “está a tomar conta do mundo”, como afirmou recentemente numa entrevista o cientista português Pedro Domingos, então discuta-se qual o seu impacto na forma como futuramente nos organizaremos em sociedade: temas como o contributo da IA para a resolução das desigualdades ou a convivência de humanos e máquinas numa realidade híbrida, marcarão presença nas sessões temáticas FutureSocieties e terão também exposição privilegiada no palco principal da Web Summit.

Destacamos abaixo algumas das palestras que melhor retratarão o carácter revolucionário da aplicação desta tecnologia nas nossas vidas.

 

 

Destaques dia 7

 

  • Palco Central – Will AI save us or destroy us?

Ben Goertzel, guru de IA e Chief Scientist da Hanson Robotics & SingularityNET partilhará o palco com dois robots – Sophie e Albert – para saber o que eles, robots, pensam a propósito da relação entre humanos e máquinas no futuro que se avizinha.

 

  • Palco Central –When the machines outsmart us…

Max Tegmark, físico e Investigador do MIT, presidente do Future of Life Institute e autor do Bestseller “Life 3.0: Being Human in the Age of Artificial Intelligence” apresentará as ideias mais provocadoras de seu livro. Sermos ultrapassados pelas máquinas parece ser um dado adquirido. Então porque não tirar proveito disso?

 

  • AutoTech / TalkRobot – One supercomputer to rule the roads

Martin Hofmann, CIO do Grupo Volkswagen, explicará pela primeira vez o trabalho pioneiro que a sua empresa tem feito ao nível da computação quântica para construir um super-computador que faça a gestão completa do transporte rodoviário. Um super-computador que permita aos carros comunicarem quer uns com os outros, quer também com a infraestrutura e a sinalética, por forma a eliminar os acidentes rodoviários e a garantir a fluidez do tráfego rodoviário.

 

 

Destaques dia 8

 

  • PandaConf – AI is the future of travel

Gillian Tans, CEO do Booking.com, partilha as razões pelas quais, na sua opinião, o futuro das viagens está intrinsecamente ligado à IA.

 

  • Binate.io- Pioneering AI for all

Danny Lange, o homem que implementou as plataformas de IA na Uber e na Amazon, quer agora através da Unity Technologies democratizar o acesso à IA. Nesta palestra, Danny explicará como se propõe a tornar realidade a adoção da IA por parte de empresas de menor dimensão.

 

  • AutoTech / TalkRobot – Artificial immortality: Letting my Dad live forever

James Vlahos, jornalista da Wired, nos últimos dias de vida do seu pai decidiu capturar as suas memórias e voz criando a partir daí o bot do seu próprio pai. Com alguma controvérsia e surrealismo à mistura, James fará uma demonstração pública do bot do seu pai.

 

 

Destaques dia 9

 

  • MusicNotes – The future of songwriting with AI

Taryn Southern, artista, demonstrará que a IA tem também uma aplicação criativa e que os seus benefícios não se esgotam na proclamada melhoria da eficiência de processos. Taryn comporá uma faixa de música ao vivo recorrendo a IA.

 

  • HealthConf- 5 ways AI can save your life

Jeroen Tas, Chief Innovation Officer da Philips, falará do contributo decisivo da IA para se alcançar o objetivo de prestar cuidados de saúde personalizados e à medida de cada indivíduo. Jeroen avaliará o impacto que a IA terá no sector da medicina e a forma como se prevê que a IA venha a fraturar este sector.

 

  • AutoTech / TalkRobot – What does an AI-powered society look like?

Antoine Blondeau, Co-Fundador e Chairman da Sentient Technologies, a startup da área de IA que maior volume de investimento tem atraído, mostrará como a sua empresa tem liderado o caminho da aplicação transversal da IA, do comércio eletrónico aos cuidados de saúde. O CEO da empresa recorrerá a casos de uso para ilustrar naquilo que se poderá tornar, num futuro não muito distante, uma sociedade impregnada de IA.

 

Este artigo foi escrito por Luís Reis, autor convidado do Comteúdo.

Sobre o autor

Luís Reis é consultor de IT com um interesse especial pelas áreas da inovação e do empreendedorismo ligado às startups.

Webtexto
Conheça o autor / Webtexto

Fundada e constituída por jornalistas experientes, a Webtexto acumula já mais de 15 anos de atividade em diversas áreas e setores, especializando-se na área de informação e content marketing.